Meditação para atenção plena: entenda como desenvolver essa competência

postado por: Daniel Burd on 30/nov/2017 6:30:00

In meditação para atenção plena

Não há dúvidas de que a promoção da qualidade de vida no trabalho é fundamental para reter talentos e aumentar indicadores de eficiência da equipe. Mas como trazer esses benefícios para sua empresa?

O uso da meditação para atenção plena é uma das técnicas que vem conquistando aos poucos diversas empresas consagradas em seu ramo de atuação, como o Google, por exemplo.

Ficou curioso? Quer saber mais sobre esse tipo de meditação e como desenvolver esta competência? Confira o texto a seguir!

O que é atenção plena?

Essa prática tem origem no budismo, mas, apenas em 1979, começou a ser difundida no ocidente, graças a Jon Kabat-Zinn, médico, cientista, fundador e diretor da Stress Reduction Clinic. Criada no Centro Médico da Universidade do Massachusetts, a clínica é reconhecida por ter apresentado o primeiro programa de consciência plena.

Jon Kabat-Zinn define a atenção plena, também conhecida como mindfulness, como a “consciência que surge quando prestamos atenção no aqui e agora e sem julgamentos”.

Esse ato de prestar atenção no agora, permanecendo consciente e atento às reações da mente e do corpo diante de todas as situações tem resultados impressionantes para seus praticantes e não por acaso vem chamando a atenção de pesquisadores e grandes empresas que prezam pelo bem-estar de sua equipe.

Quais os benefícios da atenção plena?

No livro “Atenção Plena: Mindfulness” (Sextante), Mark Williams, professor de Psicologia Clínica e Wellcome Principal Research Fellow da Universidade de Oxford, apresenta uma série de estudos científicos que comprovam diversas mudanças de longo prazo que a prática da meditação para atenção plena provoca no cérebro de quem se dedica à ela.

Entre os benefícios já comprovados estão o fortalecimento do sistema imunológico, retardamento doenvelhecimento precoce, redução da ansiedade, depressão e estresse, bem como de sintomas relacionados a esses estados, como a hipertensão.

E os benefícios da atenção plena para as empresas?

Ter funcionários atentos e focados nas atividades do dia a dia traz inúmeros benefícios para qualquer empresa. Além da diminuição do estresse e da redução de faltas ao trabalho por problemas como ansiedade e hipertensão, a atenção plena pode gerar outros resultados para a empresa.

Os funcionários melhoram sua produtividade, concentração e foco, bem como aumentam sua habilidade na resolução de problemas. Praticantes da meditação para atenção plena também demonstram o desenvolvimento da inteligência emocional e assim, as relações interpessoais ficam favorecidas.

Como a meditação ajuda a desenvolver a atenção plena?

A meditação não têm necessariamente ligação com religiões. Meditar é um treinamento mental e qualquer pessoa, independentemente de religião, cultura, idade ou crenças, pode adotar a prática e desfrutar de seus benefícios.

Diversas pesquisas científicas ao redor do mundo têm buscado apresentar a relação entre meditação e os benefícios da atenção plena apresentados aqui. Uma delas mostrou, por meio de ressonâncias magnéticas e exames de sangue, alterações cerebrais em um grupo que praticou a meditação para atenção plena, ou mindfulness, em um retiro de 3 dias.

Dicas de meditação para desenvolver atenção plena

Selecionamos a seguir, algumas dicas de meditação para atenção plena que podem ser feitas por qualquer pessoa e a qualquer momento.

Medite por um minuto

Esqueça aquela imagem de um monge em posição de lótus meditando por horas em um monastério budista. Você pode começar a meditar agora mesmo e vai precisar de apenas um minuto.

Sente-se com as costas retas em uma cadeira durante um minuto e comece a observar as sensações da inspiração e da expiração a cada vez que o ar entra e sai dos pulmões. Se sua mente divagar, o que provavelmente vai acontecer, concentre-se novamente em sua respiração.

Foque em uma atividade de cada vez

Meditar para atenção plena consiste em manter o foco em cada uma das atividades do dia. Inicie pelas pequenas tarefas, como escovar os dentes ou tomar o café da manhã.

Sinta o movimento da escova sobre os dentes, perceba o gosto de cada alimento. E mais uma vez, se começar a se distrair, traga sua atenção de volta à atividade. Aos poucos, introduza essa prática no seu trabalho.

Gostou das nossas dicas sobre meditação para atenção plena? Assine nossa newsletter e receba mais informações sobre o assunto.

Conheça pessoalmente o treinamento para uma vida sem stress:

Garanta sua vaga para o #MIND #MaisFoco #NoStress!

Receba, por email, nossas dicas para mais qualidade de vida com a redução do  stressVocê gostaria de conhecer os diferenciais deste treinamento?

Clientes