Você conhece o líder compassivo? Entenda o que é e como ser um!

postado por: Daniel Burd on 11/out/2018 5:00:00

In líder compassivo

Ter um bom líder faz parte do sucesso do empreendimento. Uma análise feita por pesquisadores da Universidade de Negócios e Gestão da Malásia mostrou que bons líderes podem obter efeitos positivos até com planos de negócios considerados fracos. Com a chegada das novas gerações e a evolução comportamental, a forma de agir também mudou. A versão autocrática é menos comum e, agora, surge o líder compassivo.

Com características especiais e elevada inteligência emocional, o líder desse tipo pode obter efeitos diferenciados para o empreendimento. Sua atuação é capaz de transformar o ambiente de trabalho e colaborar para o alcance da estratégia.

A seguir, entenda melhor o que é o líder compassivo e descubra os meios para se tornar um.

Como é esse estilo de liderança?

A compassividade é uma característica relacionada à compaixão. Uma pessoa compassiva se compadece de outrem e consegue atuar de um jeito integrado. No caso dos líderes, a conexão acontece com os liderados.

Esse modelo de gestão se baseia em três pilares principais: o entendimento cognitivo, a compreensão emocional ou afetiva e a conexão motivacional. O primeiro aspecto trata da capacidade de ler situações e processá-las de maneira objetiva. Não é porque o líder atua dessa nova forma que ele deve deixar de ter clareza sobre os cenários.

A compreensão emocional, por outro lado, inclui a leitura de emoções. As pessoas querem ser entendidas em um nível emocional e a comunicação deve transparecer o alinhamento de sentimentos.

Juntos, esses elementos podem estabelecer uma conexão motivacional. Ela surge com o propósito de levar todos ao máximo potencial — em vez de a gestão ser conduzida apenas pelo lucro, por exemplo. Isso significa abraçar qualidades, corrigir falhas e melhorar habilidades pouco desenvolvidas.

Quais os benefícios dessa abordagem?

Um líder compassivo, em geral, cria uma transformação positiva no ambiente de trabalho. O clima organizacional é favorecido e, como resposta, há um aumento de engajamento e de produtividade.

Sobre isso, inclusive, pesquisadores da Austrália descobriram que essa qualidade pode gerar ampliação da performance, melhoria do engajamento e alcance facilitado de resultados.

Além de tudo, é uma forma de mudar e otimizar a visão sistêmica da empresa. Fica mais fácil fortalecer a cultura e transmitir os valores certos. Com a satisfação dos liderados, o negócio passa a ter uma imagem interna melhor.

Como ser um líder compassivo?

Assim como acontece com outros estilos, tornar-se um líder compassivo é possível por meio de treino e desenvolvimento de habilidades. Para descobrir o que fazer, continue a leitura e veja como agir.

Seja empático

A empatia é uma qualidade essencial para desenvolver a compreensão emocional. Colocar-se no lugar do outro faz a diferença para alinhar sentimentos e ter uma visão clara do cenário.

Faça exercícios de tentar enxergar com a visão dos liderados, de modo a conhecer os seus motivadores e as suas dificuldades.

Tenha calma

Ser compassivo exige muita paciência e calma. Como é preciso lidar com e ponderar sentimentos, os ânimos podem ficar exaltados.

Procure ser receptivo a críticas, tente entender o ponto de vista do liderado.

Pergunte e ouça mais

Muitas vezes, o líder é visto como alguém que delega ou mesmo dá ordens. Essa comunicação unilateral, entretanto, mascara sentimentos que devem ser reconhecidos.

Para fortalecer a empatia e se tornar compassivo, crie o hábito de questionar e ouvir mais. Dê atenção ao que os integrantes têm a dizer, pergunte quais são os seus receios e insatisfações e considere as respostas na tomada de decisão.

Não perca a capacidade analítica

Quando executam uma gestão do tipo, muitas pessoas focam demais no aspecto emotivo, mas se esquecem da liderança.

Como você ainda será o responsável, saiba avaliar os dados, fazer projeções de cenário e ponderar riscos. Dentro disso, inclua a conexão emocional, como manda o pilar da abordagem. Desse jeito, há um equilíbrio de resultados.

Ser um líder compassivo é um modo de desenvolver a equipe e conseguir efeitos melhores. Com essas dicas, é possível fortalecer suas habilidades e se tornar um grande líder.

Comente com a gente o que você achou dessa possibilidade e aproveite para tirar outras dúvidas!

Conheça pessoalmente o treinamento para uma vida sem stress:

Garanta sua vaga para o #MIND #MaisFoco #NoStress!

Receba, por email, nossas dicas para mais qualidade de vida com a redução do  stressVocê gostaria de conhecer os diferenciais deste treinamento?

Clientes