Quais as consequências do estresse no ambiente de trabalho?

Uma pesquisa da International Stress Management Association (Associação Internacional do Controle do Estresse) mostrou que o Brasil é o segundo país do mundo com o maior nível de estresse. E, de cada dez pessoas ativas,  três pelos menos são acometidas pela chamada síndrome de Burn Out — esgotamento mental intenso causado por pressões no ambiente profissional. 

In consequências do estresse

Aprenda como gerenciar pensamentos e reduzir o estresse

 

Um dos desafios das pessoas que querem combater o estresse e a ansiedade é conseguir gerenciar pensamentos, principalmente os negativos.
Afinal, a cada minuto, todos nós somos inundados por conexões que trazem informações, imagens, suposições, interpretações, enfim, um mundo de letras e números.
No entanto, assim como sentimentos e comportamentos, é possível controlar o que se passa na mente.
Como diz
o monge budista Matthieu Ricard, “os pensamentos podem ser nossos melhores amigos e nossos piores inimigos”. Tudo vai depender do lado que será mais alimentado.
Portanto, a seguir aprenda cinco dicas para fugir da perturbação mental, um problema que atinge 30% dos paulistanos.

In gerenciar pensamentos

Como o corpo responde à meditação?

Quando se fala em meditação, quase sempre vêm à cabeça os benefícios psicológicos que a prática oferece, como o autoconhecimento e o aumento da capacidade de concentração. No entanto, você já parou para pensar em como o corpo responde à meditação?

In como o corpo responde à meditação

Foco e concentração: vantagens da meditação no mundo corporativo

O dia a dia corrido e as inúmeras funções que um profissional tem em sua agenda de tarefas são fatores do cotidiano comuns para muita gente. Esse acúmulo de funções pode gerar quadros de ansiedade, estresse e depressão, perda do foco e concentração, que sua vez podem ocasionar a perda do rendimento e afastar aquela promoção tão sonhada ou um aumento no final do projeto.

Para conseguir lidar com as pressões do dia a dia, a meditação é uma excelente aliada na hora de treinar a mente e redirecionar sua atenção, aprimorando a capacidade de aprendizado e o foco. Dentro desse aspecto, a meditação tem inúmeras vantagens no mundo corporativo.

No texto de hoje, você vai conferir alguns bons motivos para aprimorar suas técnicas de meditação e como ela pode ajudar muito no âmbito corporativo. Acompanhe!

1. Ajuda a aumentar o foco e a concentração

A meditação consiste justamente em programar o cérebro e treiná-lo para que você consiga absorver a maioria das informações e, dessa forma, melhorar a velocidade de aprendizado e otimizar seu tempo.

O primeiro passo para meditar é ignorar as distrações externas e focar no consciente, na reprogramação da mente. Esse exercício constante vai ajudar você a ter mais foco em todos os aspectos da vida, inclusivo no trabalho.

2. Melhora a produtividade

Como consequência da melhor do foco e da concentração, a produtividade de quem medita pode aumentar consideravelmente. Ao realizar a atividade mais focado, seu tempo para executá-la diminui, já que a mente está mais concentrada na função e livre das distrações que podem ser verdadeiras armadilhas para quem deseja ser mais ágil e mais produtivo e não perder tempo.

3. Ajuda a manter a calma nos momentos necessários

Quem nunca precisou respirar fundo em uma reunião, ou até mesmo discutiu com algum colega por conta de pontos de vista divergentes? A meditação também pode auxiliar a se concentrar no que é realmente importante, ajudando, assim, na resolução dos problemas sem que você sinta a necessidade de discutir ou perder tempo provando que seu ponto de vista está certo.

4. Afasta o estresse

Os diários desentendimentos, falta de foco e muitas atividades para serem executadas em pouco tempo podem resultar em um quadro de estresse quando esses fatores não são bem administrados.

A meditação nesse aspecto pode ajudar a se concentrar em uma tarefa por vez e, dessa forma, afastar o estresse e a ansiedade tão comuns no mundo corporativo hoje em dia.

5. Melhora o relacionamento interpessoal

Bons resultados também são frutos de uma equipe que mantem um bom relacionamento. Ao trazer a meditação para o meio corporativo, os profissionais aprendem o respeito ao próximo, a entender as opiniões divergentes e a respeitá-las.

Dessa forma, o relacionamento entre os funcionários fica mais leve e mais equilibrado, já que todos estão focados em alcançar o sucesso em cada projeto.

Aumentar foco e concentração é o objetivo principal da meditação no ambiente corporativo e é também o que desencadeia um melhor rendimento e, consequentemente melhores resultados.

A prática é indicada em todos os níveis hierárquicos de uma empresa e hoje já existem técnicas de meditação para o mundo corporativo a fim de aprimorar a rapidez do raciocínio e melhorar a maneira de lidar com as próprias emoções, sejam elas dentro ou fora do ambiente de trabalho.

Agora que você já sabe quais são os benefícios da meditação para os profissionais, veja também algumas dicas para meditar e conseguir alcançar todas as vantagens que listamos acima.

In foco e concentração

A importância da meditação para o sucesso de atletas de alto desempenho

Muito além dos treinamentos exaustivos, compromissos com patrocinadores e pressão da mídia, os atletas de alto desempenho precisam criar habilidades para lidar com as emoções.

In importância da meditação

Mindfulness: 5 benefícios de incorporá-lo à cultura corporativa

Apoiado em pesquisas científicas e acumulando bons resultados por todo o mundo, o Mindfulness é um método que está se tornando muito popular nos ambientes corporativos internacionais e que também está ganhando muitos adeptos em grandes empresas brasileiras.

In mindfulness

Conheça os problemas causados pelo stress no corpo e no cérebro

Problemas causados pelo stress podem se tornar sérios e comprometer muito a sua saúde e  de seus colaboradores. O excesso de preocupações e as responsabilidades do dia a dia, combinados com a falta de tempo hábil para resolver inúmeros problemas, podem gerar muitos transtornos.

In problemas causados pelo stress

4 exercícios de meditação para você praticar

A meditação é uma prática bastante benéfica e muito fácil de incorporar na rotina. Ela pode auxiliar você a aumentar a produtividade, colocar os pensamentos em ordem e ter maior tranquilidade no dia a dia.

Que tal começar a meditar? Preparamos uma lista com informações e alguns exercícios de meditação para quem está interessado em experimentar. Acompanhe!

Benefícios da meditação

A meditação pode trazer inúmeros benefícios para seu corpo e sua mente. Em relação a nossas emoções, é possível perceber que a prática constante de meditação diminui o estresse, ansiedadedepressão, falta de foco e sentimentos de medo e solidão. Ela também aumenta o otimismo, a felicidade, nossas capacidades de observação, concentração e relaxamento.

Fisicamente, é possível perceber efeitos como melhora na respiração, redução da pressão sanguínea, suavização de dores, aprimoramento da vitalidade e da capacidade de aprendizagem. Ou seja, vale a pena praticar!

Exercícios de meditação para você praticar

Quer saber quais são as principais técnicas de meditação para quem quer começar a praticar? Confira 4 formas de incorporar a meditação em seu dia a dia:

1. Meditar de olhos abertos

A meditação de olhos abertos busca aumentar nossa percepção acerca do ambiente que nos cerca, bem como nos conectar a ele. Ela exige bastante prática, já que os diversos estímulos do ambiente desafiam a concentração.

Tome alguns segundos para perceber o espaço ao seu redor, aceitar e reconhecer cada objeto, movimento e sensação. O próximo passo é se perguntar como você se sente e como seus instintos reagem a esse ambiente. Aceite seus pensamentos e aproveite esse momento para se conhecer e se conectar com o local.

2. Meditar antes do trabalho

Para trabalhar com mais atenção, foco e tranquilidade, meditar antes do trabalho pode ser uma boa solução. De preferência, pratique em casa, em um local livre de distrações. Sente-se em uma posição confortável, feche os olhos e deixe os pensamentos fluírem. Se estiver ansioso e preocupado em relação ao horário (afinal, você não vai querer se atrasar), coloque um alarme no celular, marcando o tempo que você tem disponível. Assim, pode meditar com tranquilidade.

Provavelmente, seu cérebro será inundado com sentimentos de preocupação, ansiedade, prazos, estresse, obrigações, problemas e outras fontes de tensão. Reconheça e deixe passar cada um desses pensamentos. O objetivo é aprender a lidar com eles com mais serenidade e paz não apenas durante a meditação, mas aplicando essa estratégia também ao longo do dia.

3. Meditar através da técnica do escaneamento corporal

Essa é uma das principais técnicas de meditação. Ela pode ser feita em qualquer posição (sentado, em pé, deitado), desde que seja em um ambiente tranquilo e silencioso.

O objetivo do escaneamento corporal é aumentar a percepção sobre cada parte do corpo, por meio de pensamentos direcionados. Busque focar sua consciência sobre os membros, órgãos, pele, sensações, circulação sanguínea e até mesmo o seu subconsciente, uma parte de cada vez.

4. Meditar com foco na respiração

Na meditação, existem diversas técnicas de respiração, que possuem diferentes objetivos: respirações espaçadas, expiração prolongada, por diferentes narinas, com menores intervalos, entre outras. Independentemente da técnica, o propósito é sempre focar nossa consciência sobre esse ato aparentemente automático.

Algo que fazemos no dia a dia sem perceber, a respiração é uma importante ferramenta de concentração e foco. Não é à toa que a maioria das técnicas traz nossa atenção para este ato vital que alimenta o corpo com oxigênio.

E você? Já pratica algum desses exercícios de meditação? Que tal experimentar incorporá-los em sua rotina? Aproveite também para conferir 7 hábitos para acordar bem e com tranquilidade!

In exercícios de meditação

Treinamentos para empresas: saiba quais são os mais inovadores do mercado

Não é mais novidade que os recursos humanos são o principal ativo de uma organização, a diferença entre sucesso e fracasso. Justamente por esse motivo, as companhias que desejam alcançar um nível de desempenho superior investem em treinamentos para empresas. Por meio deles, espera-se que os colaboradores aperfeiçoem suas habilidades, adquiram novas competências e preparem-se para a alta performance.

In treinamentos corporativos

Como argumentar com céticos sobre a importância da meditação?

Os céticos normalmente gostam de se embasar em estudos científicos para dar crédito em algum argumento. É comum que eles não acreditem na importância da meditação, principalmente pelo fato do assunto estar rodeado de equívocos. Mas saiba que a meditação é uma prática de resultados cientificamente comprovados.

Aprenda agora o que ela realmente é, a importância da meditação e quais são os seus benefícios:

O que é a meditação?

A meditação é um repouso da mente. No entanto, trata-se de um repouso ativo. É o encontro da essência que existe por baixo das suas incertezas.

Ela é composta por uma série de exercícios que te ajudam a ter atenção plena. Estimulando a respiração controlada e a concentração, ela alivia problemas físicos e psicológicos.

Nas primeiras vezes é comum que você seja interrompido o tempo todo pelos seus pensamentos. Porém, com a repetição constante do processo, você aprende a dominar seus instintos – em vez de ser controlado por eles. Quando você está focado, ou seja, livre de distrações, sua produtividade aumenta.

A prática é feita para ser aplicada no dia a dia por todo mundo – desde crianças e adolescentes até ocupadíssimos advogados. 

Qual a importância da meditação?

Ao contrário da psicologia e da psiquiatria, a meditação é indicada para pessoas que não têm natureza problemática. Mesmo as pessoas ditas “normais” acabam se sabotando o tempo todo devido à impulsividade inerente dos seres humanos.

A meditação não é algo próprio daqueles que gostam fazer posição de lótus e viajar em uma experiência psicodélica. Pelo contrário, ela impressiona não por ser uma experiência sobrenatural, mas pela proximidade com nossa humanidade. Aliás, ela não tem relação com os espiritualismos da Nova Era ou outros misticismos, conforme a crença popular tende a insistir.

Em outras palavras, ela não serve para ensinar religiões, doutrinas e filosofias, a meditação faz você encarar seus problemas e incertezas, desconstruindo aprendizados, levantando dúvidas e ajudando a enxergar com clareza as possibilidades de amadurecimento. 

Ao se libertar de uma visão unilateral e limitada, você evita virar refém de si mesmo. A meditação não te dá respostas novas; apenas expõe as que você já tem. Sendo assim, ela não nos tira as aflições, mas nos ajuda a lidar com elas.

Descubra aqui: 5 atitudes ensinadas pelo mindfulness para diminuir a ansiedade

Você adquire independência ao procurar respostas internamente. Com uma autoconsciência maior, é possível enxergar melhor seus limites. Isso vai lhe ajudar pessoalmente e profissionalmente a lidar com questões que estão fora de seu alcance. 

Quais são os efeitos da meditação nas relações humanas?

A meditação provoca melhoras nos campos da inteligência emocional, das habilidades cognitivas e, principalmente, dos relacionamentos interpessoais. Ela também age nas partes do nosso cérebro relacionadas à empatia, memória e aprendizagem.

Essa prática nos ajuda a termos uma vida mais real, sem as hipocrisias tão comuns nas interações humanas. Quando você ouve mais as pessoas, seu nível de confiança aumenta. Além disso, quando você medita regularmente, automaticamente você passa a ter uma vida mais saudável. Isso porque a meditação melhora sua postura, alimentação, estresse, ansiedade e qualidade do sono.

Seus efeitos não são sentidos na hora em que você medita, mas sim na vida cotidiana. Porém, não é bom que você anuncie por aí que faz meditação. As pessoas que não sabem bem o que é vão cobrar que você seja mais calmo. Quando isso não ocorre exatamente como imaginavam, eles acabam desmerecendo a prática.

Algumas pessoas têm a impressão inicial de que a vida piora com a meditação. Na verdade, a meditação traz à tona aqueles problemas que estavam escondidos. Em compensação, com os problemas expostos assim, é mais fácil lidar com eles.

Se você achou esse artigo relevante para a desmistificação da meditação, curta nossa página no Facebook e divulgue para mais pessoas saberem da importância da meditação.

In importância da meditação